Eles são a mesma pessoa

Arte: Caminhos de lá
O caminho do sul dá no norte. O horizonte é iluminado de cores que infinitamente são e tornam a ser. Fronteiras não limitam a fantasia. Onde se separam os olhos, recomeçam os sonhos. E tudo de novo, indo e vindo, matéria transparente em direção ao nascente, onde certamente algo (se) desfez um dia.

Imagem e poema Barbara Jovanholi
Postar um comentário