Tem...Po

Tic-tem, tac-po...
Transforma a rota do vento
E re-vela o sabor
Tic-tem, tac-po...
Acalenta a solidão e cicatriza 

Qualquer dor

Tic-tem, tac-po...
Assiste a ida e a volta
Apontando o caminho quando exato for

Se o daqui se foi
Não voltará igual
Tic-tem, tac-po...

(Barbara-Ella

Arte: Barbara-Ella

Postar um comentário