Permissão para voltar

Vazios circulares me deixam tonta.
É um degrau a menos pra cada ausência.

Pensando num jeito de enxergar iluminado, trinta graus à direita do colo de manha.

Liga e desligo. 
Ligo e desliga.

Os olhos evoluem na colheita dos astros. É mágica estar escrava da matéria.

Barbara-Ella)




Postar um comentário