Mais COM, menos SÓ

Bom trocar a pele e a cor da lente.
Doar o imperativo do verbo, pelos plurais latentes.

Quando nos abrimos para ouvir, é como se uma sabedoria maior nos alcançasse. Como se pudéssemos despertar uma compreensão há tempos calada por nós mesmos.

(Barbara-Ella

Dona Bôtcha)


Postar um comentário