Tônica da fé

Hoje encarei, com os olhos da Ciência, a essência mística do Cristo que, como Krishna e essênios, "parabolava" por amor e caridade. Mística nata, hindu de criação. Védica. Nepal. Seria Issa ou Yus Assaf, o mesmo filho? Mas quando me ponho a orar, os olhos da fé insistem em dizer "Não importa!". Importa a  herança. Peregrina, de Belém ao Tibete. Na alegria do Buda existente em Deus, que repleto de "eus", forma o holograma divino. A única salvação, caríssimos, é o amor impregnado nos homens...

(Barbara-Ella

Postar um comentário